31 de dezembro de 2007

Último post do ano de 2007

Sim, gente. Chegamos as 20h do dia 31 de dezembro de 2007, o que quer dizer que este mais que digno blog tem exatos 3 meses e 14 dias, contabilizando 182 postagens. 2007 foi um ano tão Britney, né? Achei um absurdo terem dado o título de loser do ano pro Doherty. Pra mim, Britney foi a LOSER do ano. Não tem pra ninguém. (Romullo, que me passou o link, concorda, né, Romullo?)

Enfim, 2008 começa amanhã e amanhã mesmo estarei aqui trazendo algum outro assunto mirabolante ou fofoquinha maquiavélica pra saciar nossas almas impiedosas. Espero muito que as pessoas que visitem o site participem mais, opinem mais reclamem mais. Nem que seja pra dizer que eu sou uó. Acho válido e não apago comentários de ninguém. Todo mundo tem o direito de se expressar. Acho digno.

Então, que venha 2008 e que com ele venham mais coisas bacanas e inteligentes ou não pra podermos comentar. Espero que todo mundo tenha uma boa garrafa de cidra barata nas mãos e que percebam que escolher cores de roupa nada tem a ver com o que vai acontecer durante o ano, pelo menos nunca deu certo pra mim.

Gente, divirtam-se, encham a cara, beijem, f*dam, whatever. Porque hoje é dia 31 e é o dia oficial de se passar. Chequem se ninguém tá filmando ou tirando foto antes, porque nunca se sabe. Deixo-lhes com a minha postagem mais vista do ano: A xereca da Britney. Ê bando de punheteiro! hehehehehe


Beijomeliga, té ano que vem! Muah!

Joey

Hayden e Milo. Eu já sabia!

Ok. Admito. Ele tem a boca torta. Mas é lindo mesmo assim.
Peter Petrelli. {suspiro}


Dia 31 de dezembro e eis que sai no site da revista People:

"O outono vira inverno e traz a tona o calor a respeito de uma coisa: a ligação entre Milo Ventmiglia e Hayden Panettiere.

Embora tenham negado o relacionamento anteriormente, as duas estrelas de Heroes agora estão namorando.

'A Mãe da Hayden adora o Mile. Ela acha ele uma graça,' conta uma amiga da família. 'Ela sai dizendo pros amigos que ele é namorado da filha. Está muito orgulhosa do relacionamento dos dois.'

Numa viagem pra Nova York, agora em dezembro, Ventimiglia esteve junto com a família Panettiere toda. 'Ele inclusive conheceu os avós. Ele se ajustou perfeitamente na família. Milo passa muito tempo brincando com o irmão caçula da Hayden', diz a fonte. 'Eles são amigos.'

Quando o casal está junto, 'eles são muito carinhosos e demonstram estarem muito confortáveis entre eles. Ele cuida muito dela, mesmo nas menores coisas, tipo fazer uma massagem nas costas ou acompanhá-la no trabalho.'

A representação da atriz disse: 'Nós não respondemos perguntas da mídia relativas à vida pessoal da Hayden Panettiere.'

'Sem Medo de Demonstrar Carinho'

Desde o primeiro fica na festa do Emmy, em setembro, os dois negaram os rumores de que estavam juntos - porém, no meio de novembro, já eram vistos muito próximos, estando juntos publicamente em vários eventos, inclusive alguns beneficientes.

Quando perguntaram depois do dia de Ação de Graças, sobre um possível romance com Panettiere, Ventimiglia respondeu, depois de uma longa pausa: 'Somos amigos próximos. É natural que as pessoas pensem que somos um casal.'

'Eles não tem medo de mostrar afeição perto da família e amigos dela,' disse a amiga.

Sobre a diferença de idade - Milo tem 30 e Hayden apenas 18 - a amiga diz, 'a primeira vista a diferença de idade nem aparece, mas depois dá pra ir percebendo. ... Ele é mais sério e reservado, enquanto ela ainda é muito brincalhona, uma menina.'"


Então. Fiz uma tradução livre aí, mas é isso. Agora, assim. Tá, tudo bem. Eles tão juntos desde setembro e são péssimos em esconder isso. Mas porque só deixar vazar a informação agora? Seria porque Heroes não tá passando e eles querem uma atençãozinha da mídia? Ou foi sem querer mesmo? Ficar pensando nessas coisas além de ser meio perda de tempo, dá uma paranóia sem fim. De qualquer forma, eu acho a revista People uma fonte bem confiável. Se eles tão noticiando, então deve ser verdade, né? Mas só pra deixar claro que isso era meio óbvio desde setembro.

De qualquer forma, acho fofos. E espero do fundo do meu coração que Hayden não seja a próxima Paris/Nicole/Britney/Lindsay. Perez Hilton já tá pensando besteira: "Já pensou se ela engravida e leva um pé na bunda do Milo?"

Vejamos os posts anteriores sobre Halo: Hayden Panettiere e Milo Ventimiglia sitting on a tree K-I-S-S-I-N-G Halo = Hayden + Milo Hayden e Milo: Apenas bons amigos Hayden e Milo juntos por qualquer causa

30 de dezembro de 2007

a festa de ano novo da pixels inc


Alguém aqui sabia que a Pixels Inc já tentou fazer um blog? Mas, não dá, meu. A gente fala muita besteira, mas muita mesma. Resolvemos ficar só escolhendo música mesmo. É melhor.

Então, depois das nossas festa cancelada férias, voltamos revigorados pra comandar mais uma festa de reveillon a la "só é 2008 depois que eu disser que é", então, o ano novo da Pixels começa dia 05 de janeiro, no Music Box Bar, o bar de viado mais alternativo da cidade.

O esquemão vai ser o seguinte: o ingresso custa 5 contos com mais 5 contos de consumação mínima pra quem chegar antes da meia noite. Chegou depois, paga 10 pra entrar e te vira no consumo. Portanto, recomendo chegar cedo. Afim de promover mais brindes entre as pessoas que bebem, a caipirinha estará custando míseros r$1,99. E, sendo assim, não tem desculpa pra não ficar bêbados, certo? Quero ver todo mundo virando em 2008! Virando o copo! (Piada cretiníssima! Woohoo!)

A discotecagem mestra será nossa, Pixels Inc. Então vai ter muito pop, rock, indie, funk, electro e afins. Aliás, falando em funk, aviso logo que vou tocar o "Créu", portanto é de suma importância que vocês aprendam a dançar. Dá uma olhada no vídeo das moças aí embaixo e treina no espelho. Quero ver todo mundo fazendo isso aê no MB.



Além da Pixels, teremos ainda a participação de Romullo nas pick-ups, o rei to Tecktonik de Fortaleza. Aliás, ele tá querendo montar um grupo de TCK, quem tiver interesse, vai pra festa pra ver como é. E o eterno DJ do Noise, Dado, aquele que dispensa comentários, né?

Não tem ingresso antecipado porque não faz diferença. O importante é que todo mundo vé e chegue antes de meia noite. Porque vamos fazer a contagem regressiva. Não necessariamente a meia noite, mas enfim, melhor pagar menos.

Beijomeliga, até sábado.

Lembrando também que a partir do domingo seguinte, dia 13, Pixels toma conta do Music Box. Domingueira bonitona com nóis, cara. Dá pra perder não. =B

29 de dezembro de 2007

Provou e não gostou

Sabe a Chloë Sevigny? Aquela com cara de blasé que veio pro Brasil um tempo atrás desfilar pra Zoomp ou Fórum, uma dessas marcas aí? A loirinha que estreou no cinema em Kids. Essa aqui, ó:

Então, uma amiga menos famosa dela, chamada Arden Wohl, uma socialite metida a cineasta e filantropa, afirmou em uma festa que precisava achar um cara que soubesse beijar decentemente, porque tem uns caras que são péssimos, acrescentou. Alías, ela usou a expressão "kissing monsters". E não contente, mostrou que não gosta quando os caras tacam a língua e a movimentam. Depois que eu li isso, tiver certeza que quem não sabe beijar é ela. Beijo cenográfico, só em filme e novela, cara. Beijo de língua, sem língua dá certo? Não dá! Pede umas aulinhas pra esse cara que você rejeitou aí porque ele parece melhor que você, viu? Ah, sim, Chloë concordou com a amiga dizendo "Ainda bem que eu nunca beijei ele". Vejamos uma foto da má beijadora:

Agora, olha quem era o cara que ela tava falando mal:

Meu beloved Zach Braff. Ele tem cara de que sabe usar a língua. Bom pra ele, cara. A Amanda Peet parece bem feliz de estar beijando a bochecha dela. Então, pronto. Ele beija bem e a Arden aí não sabe o que tá falando. Só pra esclarecer.

Saber mais sobre Zach?
Post antigo sobre ele
Popsugar
Fonte da notícia (NY Mag)
MySpace do Zach
Citações do Zach

28 de dezembro de 2007

Continuando: Música boa não toca na rádio

Então. Lá vem. Meu top 4 de 2007. O povo que eu ouço non-stop e tô viciadita. São eles:

#4
We Are Scientists

Meu, descobrir bandas vendo os clipes durante o intervalo na Sony é o que há de melhor e mais moderno. We Are Scientists veio pela Sony, enquanto via algum seriado dos vinte mil que eu assisto. Melodias fodonas e chicletentas que não são chatas, mesmo se ficar ouvindo o tempo todo. Tanto, que eu usei a música "Nobody Move, Nobody Get's Hurt" quase o ano todo como toque de celular. Aliás, era ótimo, porque já começa pancadão. Morria de levar susto. Eles são 3 rapazes de Nova York, todos fofos, com cabelinhos indie, caras de nerd. Até porque, olha o nome da banda, né? Pra quem gosta de Interpol, Strokes e afins é muito bom.


#3
Reverend and the Makers

Imagina uma banda com um vocalista com um ego do tamanho do do Liam Galagher, a sonoridade do Arctic Monkeys com uma pitada de Klaxons e batidinhas eletrônicas, com vocal masculino e feminino e com letras revolucionárias. É mais ou menos isso. Já falei sobre eles aqui no blog, cara. Acho que eles tem tudo pra estourar bonito em 2008 e serem a próxima grande banda britânica. Sotaques foda. E é de dançar. Começa com "Bandits", mas ouve o resto também porque é tudo muito bom.

#2
Yelle

Cara, Yelle. Revolucionária tecktônica francesa. Já postei sobre o movimento em geral, falando dela também. O álbum dela é uma coisa meio M.I.A. com mais graciosidade, uma coisa de francesa, sei lá. É electro. E não é tudo batidão a la tecktonik, viu? O povo é que remixa e deixa tuntsitum. Eu nem falo francês, mas adoro ficar ouvindo e já quero aprender. Yelle é tudo de bom. Dá pra dançar com ou sem remix e ouvir todas as faixas do álbum seguidinho sem cansar. Começa pelo hit dela "A Cause des Garçon".

#1
Mark Ronson

Ele é lindo, inglês, é DJ, produtor e é foda. Não tem pra ninguém. Embora eu discoteque também, não sou de ficar admirando trabalho de DJ, salvo raras exceções. Os remixes do Mark Ronson são originais, leves, gostosos de ouvir e ainda dá pra ouvir o vocal. Batidão jamais! O negócio é fazer coisas limpinhas. Salve, Mark Ronson. Ouço o último álbum dele 10 vezes seguidas e não enjôo. Recomendo e muito. Começa com a versão de "Oh My God" do Kaiser Chiefs cantada pela Lily Allen, ouça obrigatoriamente "Valerie" com a Amy Winehouse e a fabulosa versão low profile de "Toxic".
MySpace | Site Oficial | Wikipedia | Vídeo de "Valerie"

Pronto, gente. Escutem tudo e me digam se não é tudo excelente. Eu não recomendo porcaria não, cara. Ha ha ha! Vocês deviam fazer a lista de vocês também e me dizer.

Música boa não toca nas rádios, meu povo

Já disse aqui num post velhão que um dos meus hobbies, como boa "indie", é ficar caçando música online. Boa música, claro. Esse ano achei muitas bandas/artistas que chegaram pra marcar lugar nas "Minhas Músicas". Isso sem contar com os fodões que lançaram álbum novo esse ano como Björk ou gente que mudou de estilo, vulgarizou e arrasou como a Nelly Furtado. Ou mesmo os que surgiram esse ano e estouraram grandão tipo a Lily Allen, Amy Winehouse e Mika. Esses não valem porque, embora eu ouça todos, todo mundo já conhece. Legal é falar de coisas que ainda podem ou deviam estourar. Será que 2008 é o ano deles ou ficaram sendo musos/musas indie para todo o sempre?

Enfim, meus achados do ano foram:

#10
Nellie McKay


Ela é inglesa, mas mora nos Estados Unidos, e lançou o primeiro álbum em 2004, mas eu só fui ouvir agora. O som é bem alternativo e eclético. Uma mistureba muito boa. É meio rock, meio pop e tem influência de jazz. A voz dela é bem diferente também. Ela é toda politicamente correta, é membro do PETA, fez músicas sobre assuntos políticos e tudo mais. Além de cantora, é atriz e comediante. Recomendo começar com "Real Life", minha preferida dela. Pra quem colocar ela na play list, é importante saber que o sobrenome dela se pronucia McEye.


#9
Kate Nash

A Kate sim surgiu esse ano mesmo. Ela faz parte do boom do MySpace. Inglesa, novinha (20), meio raivosa, mas com um baita talento. Ela também é alternativete. Som muito bom de ficar ouvindo. A música dela que estourou na Inglaterra esse ano foi "Foundations". Rola a batidinha pop, o sotaque fodão, o humor seco, músicas com história e um pianinho. Não é pra dançar, mas ouvir em viagem deve ser uma delícia. Trilha sonora ótima.

#8
The New Pornographers

The New Pornographers é uma banda indie canadense que eu achei no MySpace do Zach Braff, o ator que interpreta o JD de Scrubs. É uma banda meio "elevador". Não me lembro do nome de nenhuma das músicas deles, mas adoro ficar ouvindo. E a banda começou em 1997. Adoro o nome, adoro o som e adoro porque eles são meio tiozões e tem mulheres na banda. É ótimo. Bom de ouvir navegando na internet.

#7
Hadouken!

Banda inglesa, do movimento Nu Rave/Grindie. É aquela coisa de electro com barulhinhos, vocais toscos, letras nada a ver. Tudo pela diversão. O negócio é tão divertido que o nome da banda é baseado naquele golpe do Ryu e do Ken no Street Fighter, sabe? Muito bom. Senso de humor e música combinam muito bem. Minha música preferida é "Tunning In", mas todas tem esse apelo ao nada. Bom de dançar e se passar.

#6
Blake Lewis

Sim, ele veio do American Idol. Nem confiança. O cara é lindo (talvez gay, mas não importa), talentoso, faz barulhinhos com a boca e fez um álbão popzera muito bom. E ele ainda consegue não ficar cópia do Justin. Motivos mais que suficientes pra pelo menos conferir o trabalho do cara. Acho digno ele ser o único artista saído do American Idol que não descambou pras músicas românticas, pop comercial ou R&B. Blake Lewis é foda. Ouçam o single "Break Anotha".

#5
The Fratellis

Fratellis, meu. Muito bom. Banda escocesa que conseguiu a proeza de ter 6 singles em um primeiro álbum. É meio surf music, não sei. Nada tipo Jack Johnson não... Uma coisa mais rockinho antigo. Eles tem uma tara por pin ups, mas também, quem não tem? É de ficar ouvindo, cantando junto e pulando feito louco. Muito bom. É o tipo de banda com diferencial, saca? Tipo Franz Ferdinand. Só de ouvir a intro das músicas já dá pra sacar que são eles. Isso é sensacional. Comece por "Henrietta" e não deixe de ouvir "Flat Head".
MySpace | Site Oficial | Wikipedia | Vídeo de "Henrietta"

Recomendo muito ouvir todos os 5 aí citados. Se não gostar, pode deixar comentário falando mal. O próximo post fecha a lista com o meu top 4.

26 de dezembro de 2007

Mariana Velho no bate-papo da UOL

A Mari Velho, ganhadora do Ciclo 1 de Brazil's Next Top Model, participou de um bate-papo UOL semana passada. Nunca soube como era o formato desses bate-papos. Achava que o convidado ficava lá, na frente no computador, lendo e digitando. Nem é. Tem uma entrevistadora que lê as perguntas do pessoal participante e interage com a convidada. Quase um talk show com participação de internautas. Bem legal. No site da UOL, tem um resumão bem básico do que rolou e o vídeo com o papo todo. Infelizmente o vídeo só fica disponível pra quem é assinante UOL. De qualquer forma, eu assisti a quase uma hora de papo e peguei as partes que achei interessantes. Além, claro, dos meus comentários super pertinentes. Então vamos lá:

Primeira impressão
Os nicks do povo no bate-papo me matam de rir, cara. Priscila, a entrevistadora, fala toda séria lendo nomes tipo bob esponja, marianinha, coração, fashionista. Ai, gente, muito bom.

Mariana começa meio tímida. É fofo. Adoro gente comum que vira celebridade. É tão legal. Consigo me identificar com isso.

Gosto das pausas da Mariana, como quem diz: “Então... terminei de responder. Me faz outra pergunta e acaba com esse silêncio merda JAH!”

Politicamente correta demais. Acho que ela não diz realmente o que pensa pra não causar polêmica, não puxar a sardinha pra ninguém a não ser pro programa que a consagrou e não ficar de birra a la Érycka. Hi hi hi

Gravações até outubro
As gravações terminaram dia 05 de outubro! Meu, ela guardou segredo (mais ou menos, né?) por 3 meses. Eu tinha contado pra meio mundo e pedido segredo. Se bem que se o nome dela vazou antes, alguém falou. Fofoca, yeeeeeah!

Mais difícil, mais legal
Photoshoot mais difícil foi embaixo d’água, óbvio. Até porque não dá pra respirar nem nada. A preferida foi a última. Ela acha que fechou com chave de ouro. A foto ficou ótima mermo, mas a Bertola tirou um pouco do brilho dela.

Embaixo d'água no oitavo episódio e classuda na grande final e Bertola chutando tudo.

Fama emergente
Ela já dá autógrafo, gente! Tira foto e tudo. Adoro celebs emergentes. Novos famosos são sempre simpáticos e legais com os fãs. Eu acho ótimo porque, por mim, todo mundo devia ser assim.
Aaaah! Ela participou do Pânico! Na rádio. E disse que eles pegaram leve com ela, as piadas foram light. Mas porque, pessoas do Pânico? A graça é constranger o convidado. Afe! Esse mundo não é mais o mesmo.

Edição = Vilão e fofocas dos bastidores
Óbvio que o que passou no programa é editado e fica diferente do que se passa em tempo integral no programa. Mas, na minha opinião, cada um é o que é e, se tem material pra editar e fazer a pessoa de vilã, é porque enfim... tem esse lado, né?

A escolha das fotos: “Ain, essa nem é minha melhor foto.” Mari acredita que eles escolhiam as melhores. E que era besteira das meninas essa coisa toda.

A fofoca da preferência da Ana Bertola veio de uma das meninas que ouviu alguém da produção dizendo que Anne/Ana era a preferida e que seria a ganhadora. Quem conta um conto, aumenta um ponto e daí foi.


Capa da Elle
A capa da Elle já foi feita e o ensaio durou 6 horas. Ela ainda não foi convidada pra nenhuma campanha nem ensaio. No site da revista tem uma entrevista com a Mari Velho, uma notinha falando sobre ela e o programa e o making of da capa. Olha uma das fotos desse making of:

Fernanda Motta
Foi a primeira vez pra todo mundo. Teve erros, e é normal. Sem problemas. Acha que a apresentadora mandou bem por ser a primeira vez e que ela evoluiu. E que tem que ser ela a apresentadora mesmo. Não tem nada a reclamar da Fernanda.

Crítica de jurado
Nenhuma. Doeu foi a fama de arrogante lançada pelo último fotógrafo.

A Bertola é gorda? Naaah!
Concordo com a Mari certeza. Ela disse que achou péssimo chamarem a Bertola de gorda. Ela podia não estar nos padrões exigidos pela moda, mas chamar de gorda já é outra coisa. Já adiantou também que a Ana emagreceu o suficiente agora e tá com o corpão de tchutchucona e saudável. Aí veio todo aquele discurso pró-saúde, fora anorexia e bulimia. Aliás, vi uns blogs Pró-Anna e Pró-Mia que me deixaram choca. Não pode, gente.

Discussão da Érycka com a Lívia
As duas tavam erradas. Roupa suja se lava em casa. Brincadeira infeliz, hora errada, pessoa errada. Se fosse com ela, deixaria pra quebrar o pau em casa. Já tinha uma rusga entre as duas e ali foi só o estopim. No episódio, deu a entender que a Lívia foi brusca e respondeu de uma forma agressiva do nada, mas diz a Mari que não foi bem assim.

Érycka blogueira
Ela concorda com poucas coisas que a Érycka expôs no blog dela. A pressão criada pra deixá-las cansadas, estressadas, whatever, faz parte do formato proposto para o programa. A Érycka tem é que parar com essa picuinha mermo, concordo demais.

Sósias
A Mari Velho parece a Juliana Didone? O que vocês acham? Uma das participantes do bate-papo achou.


Juliana Didone = Mari Velho?

Admira quem?
A Fernanda Motta. Tá, Mari. Limpando a barra da Fernanda, hein? ¬¬

Pior foto
A foto que ela menos gostou foi a dos signos. Tem a pose, mas não tem vida. Acha que não passou nada na foto. Eu também acho. Achei a foto péssima. A pose é um cocô e concordo com o olhar. Peixe morto total.


Pray, boy.
Ainda não pensa em posar nua. “Sou muito nova, bla bla bla, meu reality show não tem a ver com esse tipo de coisa, não é esse meu foco.”

Gravando
A gravação rolava a semana inteira. Agora fiquei choca. Jurava que acontecia mais ou menos do jeito que passa na TV. Era eliminação duas vezes por semana! Tô chocada. Domingo era dia de desafio, segunda de ensaio, terça de eliminação e quarta recomeça o processo. A folga era de sábado e elas tinham que ficar na casa, óbvio.

Concorrência
A concorrente mais forte era a Mari Richardt. Ela mediu isso quando trabalharam juntas no ensaio da Capricho que elas ganharam no desafio. Achou que ela sabia trabalhar a harmonia entre as partes e tal. Uma das fotos do ensaio:

Piada
Cara, ela não sabe brincar. Ela fala as coisas super séria e deixa o climão de constrangimento e depois solta um “tô brincando”. Não faz isso, Mari. Dá susto nos outros, meu. É tudo uma questão de tom de voz e entonação. Não pode.

Enfim, agora é aguardar a capa da Elle sair e ver por onde mais a Mari aparece. Será que ela consegue se destacar como a Grazi Massafera? A grande celebridade-vinda-de-reality-show-no-Brasil? Vamos ver.

Quem passou o link e organizou o bate-papo foi a Priscila Jolie. Sigam-na.

24 de dezembro de 2007

O bom velhinho

Ai, ai... {suspiro}

Então, gente. Hoje é véspera de Natal, dia de se arrumar mais bonito que a árvore de Natal pra passar o dia em família, encher a pança de noitão e trocar presentes com quem a gente se importa e tem dinheiro suficiente pra presentear. É mágico.

O clima vem desde o final de outubro, quando os shoppings e lojas mais posh entram com tudo com suas decorações a la hemisfério Norte. Neve de algodão é o must da estação. E, claro, não podia deixar de faltar o tiozão vestido de vermelho sentado na poltronona em todos os shoppings. Gordo, barbudo, roupa biza, toquinha, óculos, com um saco nas costas... Hmm... Se não fosse a tradição, eu correria de um cara desses:

Bom, então. É Natal. Espero que todo mundo tenha uma ceia farta, que não engorde nada, ganhe presentes ótimos, abraços ótimos e quem sabe uns beijos ótimos. Além, claro de uma boa festa pra ir depois da ceia em família. Amém!

Feliz Natal, gente! Meu presente é essa galeria de imagens do barbudo com crianças no colo. Divirtam-se! Sidra Cereser pra todo mundo! Aeeee!

Conduzindo Miz Britney

Lost, Heroes, The L Word e Desperate Housewives só voltam em janeiro/fevereiro. Enquanto isso, do que junkies de seriados vão se alimentar? Eu tenho a resposta! Do super lançamento da mini série em 7 episódios:

Conduzindo Miz Spears

Estrelando Britney Spears, a melhor amiga do momento Carla e os paparazzi.

Sinopse:
Após descobrir traumaticamente através da mídia que sua irmã mais nova está grávida e tem mais paparazzi na porta do que ela mesma, Britney, inconformada, se joga nos ombros de seus melhores amigos: Carla e os paparazzi. Só eles a entendem e podem trazer a tona a verdadeira Britney. Mas, nada acontece sem um pouco de magia... Um pozinho mágico usado em banheiros públicos e quartos de hotel completam esta trama que vai abalar seu final de ano.

Episódio Piloto - Mural da Moral
Britney está dirigindo tranquilamente pela cidade quando se depara com um lindo mural digno de uma lembrança registrada fotograficamente. Ao tentar bater uma foto, os amigos paparazzos bloqueiam a parede toda tirando fotos da Britney, que fica furiosa por não conseguir tirar a foto. Num ataque de raiva, emergem da boca dela palavras de baixo calão e frases imperativas. No ímpeto da raiva, ela acaba jogando a câmera no chão e perdendo o memory stick, que mais tarde é encontrado pelos paps e devolvido a Britney. Com isso, nossa estrela volta a sorrir e filosofa: "Sou uma pessoa que nem você" ("I'm a person, just like you"). Assista agora:




Episódio 2 - Me dá, me dá... MAIS
Dando continuidade a vida, Miss Spears para num posto de gasolina e vai até a loja de conveniências. Ela precisa desesperadamente usar o banheiro. Ela entra, Carla espera do lado de fora acompanhada dos amigos paparazzi. Logo, Britney abre a porta e compartilha o que quer que seja que ela fazia, com a amiga Carla. De repente, gritos histéricos vindos do banheiro: "Alooou? Você não ouviu merda nenhuma do que eu acabei de falar? Você não tá me ouvindo! Eu quero essa p*rra desse estúdio, c*ralho!" Na saída do banheiro, Britney encobre o rosto com as mãos, possivelmente com medo de pagar de Amy Winehouse, com traços de pó mágico no nariz. No tumulto, os produtos vão das prateleiras ao chão. Quem se importa? Assista agora:



Episódio 3 - Obrigada por encher meu tanque
Em outro posto de gasolina, Britney fica ao volante, enquanto Carla desce do carro e nenhum dos paps a segue. Esperando a empregad amiga completar o tanque, Britney grita o nome dela, despertando o interesse de um dos paps, que pergunta se esse é o nome da amiga. Britney, já cansada, resmunga dizendo que "os paparazzi são é muito burros", depois de uma leve pausa dramática, ela volta e completa "ou talvez seja eu". Carla volta ao carro e um simpático fotógrafo perseguidor de celebridades abastece o carro pra elas. Assista agora:



Episódio 4 - Ei, gatinho!
Britney e Carla sentem a exaustão e decidem parar para um boquinha em um restaurante chique da cidade. Depois da janta, e de umas bebidas a mais, elas começam a perceber que um dos paparazzi é comível e resolvem conferir o rapaz de perto. Britney aponta para o escolhido e o chama para dentro do carro. Lá, ela pega o número do celular dele e, com ele já fora do carro, elas ligam. Ligam e cochicham entre si. Do que será que falavam? Possivelmente de um futuro próximo. O que acontecerá com nossas heroínas? Assista agora:



Episódio 5 - Alguém tem um canudo? Nota de 100 dólares?
Mais um pit stop. Em um supermercado, Britney corre livremente pelos corredores de mãos dadas com o amigo paparazzo. Corre para o banheiro. O efeito do pó mágico não dura pra sempre! Lá dentro, enquanto ela restaura seus poderes, o amigo guarda respeitosamente a porta, enquanto os demais tentam arrancar alguma informação secreta, sem sucesso. Na saída, Britney passa a direção de um carro pro amigo novo e Carla de outro. Porque as inseparáveis se separaram? Assista agora:



Episódio 6 - Sempre fui inglesa
Em uma vida passada, Britney Spears descobriu que era inglesa. Desde então, um leve e c onvincente sotaque britânico emerge volta e meia após o uso recreativo de pó mágico. Neste episódio, presenciamos uma dessas cenas que trazem o peso da história imbutida. Na hora de ir, Britney pega uma carona com o amigo paparazzo e os carros seguem em fila. Aonde chegarão? Assista agora:



Episódio 7 - Fim - Almoço pelas madrugadas
O trio ternura chega a um grandioso hotel e decidem passar a noite. Lá pelas 4 da manhã, surge o pap em seu carro, precisando de um cigarro. Perguntam se eles terão bebês, mas ele responde calmamente que "não dá pra ter bebês quando você não faz nada, apenas conversa e almoça". Os amigos de profissão respondem: "Almoçar uma hora dessa? Tô te sacando! He he he!" A fungada e suave limpada com a mão dão a entender que... o pó mágico fez deles BEST FRIENDS FOREVER. Assista agora:



Obrigada, Perez Hilton. Fiquei acordada até 06:39 acompanhando a saga da Miss Spears no sábado a noite. Essa sim sabe viver a vida, hein? Ai, papai. Isso tudo veio daqui.

23 de dezembro de 2007

Faz em 4 segundos

Meu, comecei a jogar esse negócio ontem de madrugada e tô surtada. Novo vício JAH! O jogo se chama Four Second Frenzy e é do site Armor Games.

É como se fosse um grande jogo cheio de fases diferentes, na verdade, 50 jogos dentro do jogo. Cada jogo tem um objetivo explicado rapidamente antes de iniciar e os comandos todos são através da barra de espaço e das setas, o que é bem simples e ajuda na hora de ser o mais rápido possível.

É meio que loucura o negócio porque além dos 4 segundos pra completar cada jogo, ainda tem uma musiquinha de fundo que fica botando pilha pra fazer as coisas bem rápido. Quando finaliza com sucesso, você ganha parabéns, às vezes tem palmas, mas se faz errado é beeeeeeeep. Dá uma agonia dos diabos!

Faça o carinha da cadeira de rodas pular todos os prédios.
Em 4 segundos.


Os pontos são contados pelos segundos. Meu recorde até agora foram 136 segundos no modo Endurance. Nesse modo, você tem 10 vidas e passa por todos os 50 jogos, se não gastar as 10 vidas antes, claro.

Pra quem não quiser ficar quebrando a cabeça tentando entender o que tem que fazer em cada jogo na hora de jogar, tem um tutorialzinho que explica qual é a de cada jogo. Aí fica mais fácil entender e fazer rápido. Pros medrosos e/ou estudiosos, tá aqui o link do tutorial. Pros aventureiros que aceitaram meu desafio, tá aqui o link do jogo.

Dica da minha irmanita Karu. Ela é dentista e é ótima. Marquem uma consulta com ela JAH: 85 3224.1950

Piece of Me versão buatchi

Lembra do último vídeo da Britney? Pois agora chegou a versão plus dele. Imagine o mesmo clipe. Agora coloca uma meia arrastão por cima dele e deixa tudo mais escuro. Conseguiu? Pronto, agora bota uma luz de estrobo piscando o tempo inteiro. Isso. Agora, por último, encaixe umas luzes vermelhas por cima das outras cenas que não tem o estrobo. É isso. E com um batidão de fundo, porque, aparentemente a versão original não tá boa o suficiente pra tocar non-stop nas boates de bate-estaca. Vamos assistir ao glorioso Rizzo Rough Mix de Piece of Me.

Tcharaaaaaaam:



Opinando: Não, cara. Não ficou ruim, muito pelo contrário. A batida encaixou legal e tá ótima pra dançar. Terei essa versão em mp3, certeza. E sabe o que é o mais legal desse remix? Não tirou o vocal da Brit, graças. Uma das minhas maiores birras com músicas remixadas é justamente isso. Os DJs engancham tanto a música, que só dá pra reconhecer no finalzinho. É triste isso. O legal de sair pra dançar é dançar músicas que você conhece e canta junto, sendo feliz e se sentindo rockstar com seus miguxos. Se não dá pra cantar, vou dançar como? [Eu entendo que isso é uma coisa minha e que pessoas outras podem gostar de sair pra dançar tuntistum a noite inteira. O que é a trilha sonora pra quem sai pra catar alguém, não é mesmo?]

Falando em Britney (meu assunto do mês é ela e a família dela, já notaram?), olha o que a monga andou fazendo. Essa Britney se passa muito. Não é a toa que é tão divertido noticiar a vida dela. Vai, amiga, dá pano pra manga. Adoro falar de você. Seu último álbum tá ótimo, mas a sua vida pessoal, né, fofa?

Só relembrando o que foi dito dela aqui no eu era pop. nesse mês:
Embucharam a irmã mais nova da Britney
A voz dela mudou misteriosamente em 2000
Milhões de fofocas sobre Deus e o mundo e a Britney
Estréia do clipe de Piece of Me, novo single
Trechinho do clipe, antes da estréia
O ensaio foi melhor no VMA
Britney faz anos!


21 de dezembro de 2007

Achados do Brazil's Next Top Model

Santo Google me ajudou a encontrar um álbum de fotos só de Brazil's Next Top Model. O legal é que tem as fotos oficiais, as que foram tiradas no programa, mas tem também de antes. É muito bom entrar nesse site e sair clicando, sacia um pouco a curiosidade monstra gerada por um reality show. Quer ver as meninas antes e depois da Sony?

Olha o que eu achei lá:


Ana Paula Bertola antes. Que tal?

Clica e vai: http://picasaweb.google.com/BrazilsNextTopModel

Gente, a Priscila Jolie me passou o link via Twitter do blog da Érycka. Eu li o que ela tinha a dizer sobre Brazil's e nem tive vontade de deixar comentário nem nada. Mas me impressiona a falta de tato, sabe? Por mais amador ou armação que seja o programa, não acho legal usufruir dos frutos que ele te rendeu e ainda assim sair falando mal. Mas, cada um é cada um. Achei que tem muito ódio no coraçãozinho dela, mas já provou que é uma ótima modelo e em futuro. Cuida do fígado, amiga, quem tem muito ódio assim costuma ter problema.

Érycka, pós BRNTM, mas com muita raiva.
Aproveita as chances da vida, fia!

Clica e vai: http://eryckanobrntm.blogspot.com/

Desde a grande finale, vivo checando os sites de notícia em busca de algo sobre as meninas. Quem procura acha. Saiu na Folha Online uma entrevistinha com a Mari Velho. Ela deixa claro que não pretende posar nua, e ainda alfinetou dizendo que participou de um reality show de moda e não de um Big Brother. Huuuu! A matéria da Folha também fala geral sobre o programa e critica bonito a performance da apresentadora Fernanda Motta:

Nesta primeira edição, o desempenho de Fernanda Motta como apresentadora foi alvo de críticas, principalmente por falta de naturalidade, texto repetitivo e artificial e postura artificial na hora de eliminar candidatas.

Mari Velho com sua "mentora"
Fernanda Motta.

E sim, eles já dizem que muito provavelmente teremos uma segunda edição em outubro de 2008. Aguardemos.

Clica e vai: http://www1.folha.uol.com.br/folha/ilustrada/ult90u356987.shtml

Agora o que nos resta é tacar o nome desse povo no Google, pra ver se sai alguma coisa. Quero ver campanhas publicitárias com esse povo JAH. Espero do fundo do coração que nenhuma tenha o futuro da malvada Jade de uma das edições do America's teve. Visitem o blog Damn Cow (que eu leio sempre também. Adoro o humor escracho do Julio. Detona todo mundo).

Em janeiro temos a capa da Elle com a Mari Velho. Assim que sair, postarei.

Sabem quem vem pro reveillon?

Adivinha quem escolheu passar o ano novo em território nacional? Segundo o site Famosidades, uma famosa americana que vive tomando no c* na sua corrida vida de celebridade, escolheu a praia de Jurerê, Floripa, Santa Catarina pra começar o ano de 2008. Espero eu que ela tenha uma calcinha pra usar no dia. Ninguém aguenta mais upskirts desse povo, não é mesmo?

Uma pena que os papparazzi brasileiros são um lixo e não vão conseguir noticiar nada, como sempre. Deus queira que alguns americanos venham seguindo ela, assim teremos notícias quentinhas nos blogs de fofoca. Adoro o showbiz. Ai, ai.

É ela, gente, a ...

Pós-post: Gente, sim! Estamos salvos! Ela desistiu. Nosso amigo "Anonimo" já deixou a dica, nossa miguxa comandará uma festcheenha em LA. Que pena, cara. Acho que os papparazzi brasileiros aprenderiam muito com a vinda dela. Sem ela, 2008 será repleto de notícias sem graça sobre celebs brasileiras. Tudo bem. Fazer o que, né?

20 de dezembro de 2007

Comprem um dicionário pra Danielle Winits JAH

Acho super sem graça a movimentação da indústria fofoqueira nacional. Enquanto Hollywood me diverte com drogas, grávidas adolescentes, acidentes de carro, peitinhos, famosas sem calcinha, intrigas e tantas outras coisas, a nacional me entedia com notícias tipo: fulana faz jogging, cicrana posa nua grávida, beltrano está de namorada nova. Tédio. Nem os viados assumem que são viados. Quero papparazzis decentes JAH!


Enquanto isso, na maternidade, nossa amada atriz Danielle Winits, um poço de sensualidade (...), deu a luz ao pequeno Noah, filhote do Cássio Reis, modelinho. Me pergunto muito sobre a vida escolar dos famosos, sabia... Porque não ser um ás da língua portuguesa, tudo bem. Agora, nem corrigir uma simples lembrancinha de nascimento? Pena do Noah, viu... E pena das fofocas brasileiras que noticiam isso (eu inclusa):

Lembrancinha do nascimento de Noah tem erro de português


Philipe Lima/AgNews Medalha distribuída por Danielle Winits traz verbo "reger" com a letra J

Danielle Winits dá à luz Noah

FAMOSIDADES
No Rio de Janeiro

As pessoas que visitaram Noah, o primogênito do casal de atores Danielle Winits e Cássio Reis, na Clínica Perinatal, em Laranjeiras, zona sul do Rio de Janeiro, receberam uma medalhinha com um trecho da oração para o anjo da guarda com um erro de português.

No texto, "Confiou a piedade divina, Sempre me reje (sic), me guarde, me governe, me ilumine, Amém. Noah", a conjugação do verbo "reger" está escrita de maneira errada. O correto é "rege", com a letra G.

Noah nasceu na manhã desta quarta-feira (19), com 51cm e 3,470kg. Cássio Reis, marido da atriz, assistiu ao parto, cortou o cordão umbilical do bebê e levou o filho para os primeiros cuidados no berçário.
Abalou?

Final de Brazil's Next Top Model

Olha a tosquice: Me chamaram pra uma comemoração de "passei no vestibular" hoje, às 20h e pro cinema às 17h. Eu fui? Claro que não. Remarquei tudo pra poder assistir a final de Brazil's. Óbvio. Isso é que importa. Enfim, fui no cinema antes e comemorei com as pessoas depois. 20h estava linda em casa pra ver Brazil's Next Top Model. Então, vamos lá.

O episódio já começou tenso. Levaram as três finalistas pra Ford Models em São Paulo. Lá, elas recebem uma mensagem da Fernanda, explicando que vão ser testadas e avaliadas em várias etapas. A primeira é um teste de casting na Ford mesmo. Elas foram avaliadas por um cara lá, que viu o portfolio (chama portfolio mesmo?) e fez considerações sobre elas. Segundo ele, a Bertola é a mais bonita, mas está acima do peso. Disse ele que mal dá pra ver a ossatura dela. Falou que a Mari Velho é linda, mas que não viu uma evolução real nas fotos dela. E a Lívia, pra ele, foi a que mais evoluiu e aprendeu a passar emoção pelo olhar, mas, que é difícil ser versátil com tantas tatuagens, vai acabar na cena alternativa mesmo.

A segunda etapa era o photoshoot, no qual elas foram avaliadas pelo fotógrafo. Ele achou, de novo, a Bertola linda e fácil de dirigir, a Mari, na opinião dele é mais completa e a Lívia, foi a mais difícil de se trabalhar devido a personalidade forte. Na verdade, a Lívia não se deu bem foi com a direção dele. A sessão só engrenou depois que o Pazetto se meteu e disse pra ele deixar a Lívia mais a vontade pra fazer as coisas do jeito dela. Mas, ainda assim, não foi um bom photoshoot pra Lívia. O resultado tá aqui:

Ana Paula Bertola



A primeira foto foi a escolhida como a melhor dela. E é linda. Todos os jurados concordaram que essa foi a melhor foto dela de todas que foram tiradas no programa. Olha o tamanho do salto, cara. Elogiaram que mesmo chutando, ela não errou em nada. A expressão, o corpo, as mãos. É muita concentração, meu povo. Eu adorei as fotos dela. Arrasou, bee!

Lívia Senador




As fotos da Lívia também ficaram boas, mas longe do melhor que ela consegue. Acabou ficando meio preso e ela sabia disso assim que terminou o photoshoot. Eu acho que não rolou foi uma química entre ela e o fotógrafo. Sei lá...

Mariana Velho



Mari Velho, como sempre, mandou bem. Escolheram um figurino que favorece o que ela tem de melhor e esconde os quadris mais larguinhos dela. As fotos ficaram profissa, não tem nem o que falar muito não. Mas, não minto não... Gosto mais da primeira lá da Bertola. Mais impacto.

Já de volta à casa, Daniela Mercury adentra o recinto para ser entrevistada pelas meninas. Isso foi a terceira etapa. A própria Daniela avaliou. Foi meio estranho porque a Bertola começou a entrevista dela chamando a cantora de Daniele. Ouch! E a Lívia, foi a coisa mais engraçada do mundo. Parece que tiraram ela do que ela sabe fazer ela ficou sem ação. Ficou muda um bom tempo. A própria Daniela teve que dar uma puxada pro negócio engrenar. A Mari Velho, segundo a Daniela, foi melhor, pois teve mais postura, usou um português bem falado e se portou de maneira elegante.

A fase final foi a análise da diretora de redação da revista Elle, que olhou o portfólio das meninas, avaliando se elas se encaixam no perfil procurado por eles para a capa da revista. Segundo ela, a modelo da capa tem que traduzir em imagem tudo que está escrito na revista. Ela meio que elogiou as três meninas, mas também citou que a Bertola está acima do peso. Pra ela, a Mari Velho consegue passar muita emoção no olhar e a Lívia, de novo, é barrada por causa das tatuagens, mas ela ressaltou que acha que tem algo de especial ali.

Em cada uma dessas fases, os profissionais davam uma nota pras meninas de 1 a 5. Eles não divulgaram essas notas, mas, deu a entender que a Velho levou a melhor na opinião dos profissas da moda.

Depois dessa fase, houve uma eliminação. A primeira a ser chamada para a final foi a Ana Paula Bertola. A decisão da segunda vaga ficou entre Mari Velho e Lívia Senador. E a eliminada foi a Lívia, que não chorou, nem nada. Se deu por satisfeita e acha que conseguiu bastante e que as coisas vão só melhorar daqui pra frente. Adorei a atitude dela na eliminação. Super fofa, quis abraçar todo mundo e ficou feliz de verdade pelas meninas. Ah, sim, esqueci de comentar: o fotógrafo disse que a Mari passou um pouco de arrogância no set, chamando os outros de "queridinho" e pedindo coisas. Segundo ela, é falta de atenção e sem noçãozisse mesmo. Eu acredito porque não a vi sendo arrogante em momento algum, mas ficou o mal entendido.

A etapa final foi o desfile para o Alexandre Hertchovitch. Todas as meninas que passaram pela casa voltaram e todas desfilaram. Foi um chororô sem fim no reencontro, muito bonitinho. Não deram muita ênfase ao reencontro, nem as outras meninas. Mostraram o desfile rapidão e todas me pareceram desfilar bem direitinho. Bertola arrasou e Mari também, as duas receberam elogios dos jurados.

Depois do desfile, o anúncio final. Fizeram uma retrospectiva comparativa entre as duas e, ficou bem claro que a Velho era a preferida dos jurados, com exceção da Palomino, que era a favor da Bertola, mas ainda assim, a maioria vence e Mari parece estar mais preparada pra vida de modelo que a Ana. E, sim, não vou fazer suspense não e vou dizer logo mermo. Quem ganhou foi a Mariana Velho, confirmando o mega spoiler dado pela Veja SP.

E sim, a grande vencedora está no Orkut e é real, garanto que não é fake. Se for, é um fake muito bem feito. Todo mundo visitando o perfil dela JAH! Quem é fã da Mariana Velho ou quer bisbilhotar, clica aqui.

Enfim, agora acabou o primeiro ciclo de Brazil's Next Top Model e, foi ótimo. Que venham outros e que a Fernanda melhore como apresentadora. Ano que vem, sem spoilers, por favor. E quem me visitava só pra ler sobre Brazil's, por favor volte mais vezes, mesmo que só às quintas feiras.

18 de dezembro de 2007

Paaaara tudo! A irmã da Britney tá grávida

Tô choca demais aqui. Sabe a Jamie Lynn Spears? A irmã da Britney, a bonitinha de 16 anos que é protagonista de Zoey 101, seriado teen da Nickelodeon. Então, tá grávida.




Uns minutos pra recompor o fôlego. Ok. Olha só. Ela e a louca da mãe dela vão falar tudo numa reportagem pra revista americana de fofocas Ok. Diz ela que tá chocada e assustada, mas vai ficar com o bebê. O pai é o namoradinho de mais de 1 ano dela que - pasmem! mora com ela. O que? Como assim duas crianças dividem um apartamento? Que tipo de pais deixam isso acontecer? Os Spears, cara.

Choquei. Não sei mais o que esperar dessa família. Pior que a da Lindsay Lohan, hein? E olha que a Dina Lohan se passa muito. Começo a pensar que o problema tá na criação e não nas pobres das meninas. Jamie Lyyn, Britney, Jesus as perdoarão. Vocês não sabem o que fazem. Pelo menos o dinheiro Jesus salva. Tá aqui a capa da revista e o link pra fonte.

Bee Movie é ótimo e eu recomendo


Entrei no site da Verdes Mares (a Globo local) pra pegar a programação do cinema, porque pretendo assistir Beowulf amanhã. Enfim, lá no site tinha uma notinha de uma crítica de Bee Movie. Fiquei chocada porque é uma crítica negativa. Tudo bem, eu aceito a opinião dos outros, mas espero que um jornalista que escreve pra um site desses, saiba pelo menos do que está falando. O cara vem dizer que Bee Movie é uma animação para adultos? Aloka, meu senhor. É nada porque eu li a entrevista toda na Rolling Stone. É pra criancinhas, sim senhor! Enfim, vou copiar e colar um trecho da crítica aqui, porque acho que vale:

Jerry Seinfeld escreveu e protagonizou um dos seriados de televisão mais inteligentes, engraçados e assistidos de todos os tempos: Seinfeld. A sitcom acabou há quase dez anos e, desde então, seus fãs ficaram órfãos do humor irônico do astro. A animação Bee Movie – A História de uma Abelha prometia ser o retorno triunfal de Seinfeld. Os trailers promocionais do filme reforçavam essa impressão: Seinfeld vestido de abelha, a hilária aparição de Steven Spielberg e o desfecho em animação; tudo levava a crer que o longa seria um sucesso. Admito que, do alto de minha ignorância, cheguei a imaginar que a película seria um misto de animação com atores reais, ao melhor estilo Uma Cilada para Roger Rabbit (1988). Infelizmente nada disso se concretizou. O filme não condiz com as expectativas geradas e não, o filme não usa a mesma tecnologia utilizada em Uma Cilada para Roger Rabbit.
(...)
A animação da DreamWorks possui ótimos momentos, tiradas excelentes (bem ao estilo comédia stand-up), mas, como um todo, deixa a desejar. Não traz nenhuma novidade visual e o roteiro, que foi escrito por Seinfeld, parece que foi feito às pressas, principalmente no terço final da película. A mensagem politicamente correta é bonitinha, mas em um filme de humor que visa mais os adultos do que as crianças não aparenta ter sido a escolha mais acertada. Continuamos esperando a volta triunfal de Seinfeld. Até lá continuamos assistindo as animações da Pixar e as reprises de Seinfeld na TV.
[Quer ler a crítica toda. Vai lá]


Lá no site, depois da crítica, tinha um espaço pra comentar. Comentei. Mas o sistema da Verdes Mares deu pau e não foi. Até porque ele permite escrever mais de 300 caracteres mas não deixa enviar mais de 300 caracteres. Cocô. Enfim, deixo aqui minha crítica a crítica na íntegra, pra todo mundo ver. Acho que minha opinião tem mais conteúdo que a do rapaz lá. E tenho dito.

Não não e não. A animação Bee Movie, assim como qualquer outra da Pixar, é voltada para as crianças (conforme dito em entrevista por Jerry Seifeld - leia a Rolling Stone do mês passado) e, como tal, cumpre muito bem sua função. O humor do Seinfeld está todo lá, e as grandes sacadas estão nos detalhes - essa é a parte voltada para os adultos. Trocadilhos mil dão um toque Seinfeld também. Achei um retorno muito digno, bem executado e que será lembrado por muito tempo. Sei mais sobre abelhas do que jamais quis saber e aprendi de forma bem humorada e divertida. No cinema. Obrigada, Jerry Seinfeld.
Recomendo e muito. Uma das melhores animações do ano. Só perde pra Simpsons. Sério. É por isso que não se pode acreditar muito em críticas. É sempre melhor ir tirar a prova você mesmo. O cara lá deu duas estrelas, dou quatro na maior.

Gosto é como ______________________.

Johnny Depp é o melhor doador de autógrafos de 2007

Esse é um dos títulos mais cobiçados entre as celebridades. Não, sério, gente. É meio idiota, mas é uma forma de ver quem trata bem os fãs e quem não trata. É legal porque enfim, sem os fãs correndo atrás babando, a indústria não vai a lugar nenhum, não é mesmo? Então, parabéns pro Johnny Depp por ser lindo, simpático e ainda cult. Da próxima vez que o encontrar por aí (como se eu já super tivesse encontrado, néam?), pedirei um autógrafo certeza.

Johnny Depp, mandou bem. Vem ser simpático assim aqui em casa, vem.

- Johnny! Não tomei banho hoje e tô de pijama, mas me dá uma abraço?


- Eu não sei nem quem você é, mas minha mãe pediu...

- Ai, que emoção! Nunca tinha visto um pirata na vida!
Nem sabia que piratas sabiam escrever!



- Johnny, quero sentir suas nádegas, posso?

Gente, anota na agenda: Pedir pra esses aqui, pode:
  1. Johnny Depp - terceiro ano consecutivo que ele ganha. Ele é fodão.
  2. Matt Damon - ele é feio, tem mais é que ser simpático mesmo.
  3. George Clooney - é budista, cara. simpático com todo mundo.
  4. Jack Nicholson - ele tem cara de ser comédia, logo, simpático.
  5. Rosario Dawson - semi-desconhecida. se não ganhar o amor dos fãs agora, né...
  6. John Travolta - perdeu terreno e tá reconquistando. estrategista.
  7. Katherine Heigl - começo de carreira. corre atrás mermo.
  8. Jay Leno - ele é um apresentador de talk show. tem que garantir a audiência.
  9. Dakota Fanning - ela é fofa, não podia ser diferente.
  10. Russell Crowe - ele tá melhorando a imagem, porque já esteve na lista dos piores.
Desista desses aqui:
  1. Will Ferrell - ele zomba dos fãs. malvado.
  2. Tobey Maguire - não sei qual é a dele. tem cara de sonso, devia ser simpático.
  3. Joaquin Phoenix - é pra compor look. "sou rebelde sempre, me deixa."
  4. William Shatner - velho e chato. quem quer o autógrafo dele mermo?
  5. Renee Zellweger - absurdo! ela faz vozes de cartoon! como pode ser antipática? chocada.
  6. John Malkovich - ele é tão cult que pode se dar ao luxo de ser blasé.
  7. Julie Andrews - tá. ela também pode, é velha, fez zilhões de coisas. tá. aceito.
  8. Bruce Willis - bruce willis é machão e não é amável com ninguém. rrrooooarrr!
  9. Teri Hatcher - todo mundo sabe que ela chata o tempo todo.
  10. Scarlett Johansson - eu sou linda e não tô nem aí pros fãs. bite me.
Fonte: O Globo

by TemplatesForYou-TFY
SoSuechtig, Burajiru